O registo no sistema e posterior acesso ou autenticação são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso.

Condições para Submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • A contribuição é original e inédita e não se encontra sob revisão ou para publicação por outra revista. Caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao Editor".
  • Os ficheiros para submissão encontram-se em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF (desde que não ultrapassem 2MB)
  • URLs para as referências foram fornecidas quando disponíveis.
  • O texto está em espaço duplo; usa uma fonte de 12-pontos; emprega itálico em vez de sublinhado (excepto em endereços URL); as figuras e tabelas estão inseridas no texto, não no final do documento na forma de anexos.
  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Instruções para Autores, na secção Sobre a Revista.
  • Em caso de submissão a uma secção com revisão por pares (ex.: artigos), as instruções disponíveis em Assegurando a Revisão Cega por Pares foram seguidas.

Instruções para Autores

Submissões

  1. Envio de artigos, recensões e notícias:

Os artigos e as recensões propostos para publicação devem ser remetidos pelos autores à Direcção da Revista do Centro de História da Sociedade e da Cultura e/ou ao Coordenador do volume até ao final do mês de Novembro de cada ano. Deverão incluir os seguintes dados:

  • nome do autor
  • filiação académica (máximo de duas)
  • endereço electrónico
  • contactos
  1. Publicação de artigos
     2.1. Apresentação e extensão do texto

Admitem-se artigos escritos em espanhol, francês, italiano, inglês ou português. A sua extensão não deverá exceder os 50 000 caracteres com espaços, incluindo resumo, notas, bibliografia, etc.

Deve incluir, ainda, o título e um resumo até 150 palavras, na língua em que o artigo é escrito e em inglês; uma lista de 3 a 5 cinco palavras-chave nas duas línguas utilizadas no título e no resumo; uma bibliografia final limitada aos títulos citados.

As notas de rodapé deverão servir fundamentalmente para esclarecimentos ou comentários pontuais e a indicação bibliográfica abreviada ficará contida no próprio texto. A chamada surge antes do sinal de pontuação.

  1. 2. Formatação do texto

O texto deve ser formatado em Microsoft Office Word, tamanho A4, alinhamento do texto justificado, tipo de letra Times New Roman com o tamanho 12, a espaço e meio (com exceção das citações longas e das notas de rodapé, que deverão ser em tamanho 10, espaço simples). Numeração de páginas e de notas sequencial.

As citações serão feitas entre aspas curvas (“ ”), exceto se excederem as três linhas, caso em que devem ser destacadas do texto por um espaço, com o tamanho de letra de 11 pontos, acompanhadas pela referência à obra citada de forma abreviada.

  1. 3. Organização da bibliografia final

Monografias:

Anunciação, Maria José Ferraz da (2003). Jornalismo desportivo. Novas perspectivas de análise. Lisboa: Costa Reis.

Machado,Vitorino Custódio Antunes (2009). Os Conimbricenses e a retórica. 2.ª ed. Coimbra: Respublica, 123-145.

Sousa, Manuela Augusta Pereira, Feliciano, José da Rocha eds. (2003). A filologia na era da informática. Porto: Associação de Livreiros.

Artigos:

Figueiredo, António (1988). “Alterações climáticas em Portugal”, in Antónia Vieira Simões (ed.), Impactos da oscilação climática no Atlântico Norte. Évora: Muralha, 3-34.

Moreira, Alberta Maria Reis (1994). “D. Miguel do Couto e a arquitectura militar do Renascimento em Portugal”, Revista de História da Arte, 13, 111-123.

Manuscritos:


Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Ministério do Reino, Livro 234, fl. 23.

Artigos online:

Páginas e sítios em linha devem, tanto quanto possível, conter as indicações bibliográficas de autor, título e data. É imprescindível a indicação do URL e da última data de acesso. SCHILLING, Ruth – Homagium or Hospitality?: The Struggle for Political Representation in Bremen around 1600. Eras. School of Historical Studies on-line Journal (2003),(http://www.arts.monash.edu.au/eras/edition_5/schillingarticle.htm, consultado em 2007.09.12).

  1. 4. Citação abreviada (no corpo do texto)

A indicação de um passo, de uma obra ou de um manuscrito será feita de forma abreviada. Exemplos: (Anunciação 2003: 25), (ANTT, Min. Reino, L. 234, fl. 23).

Serão usadas as abreviaturas: id., et al., ed., eds., coord., trad., org., intr., pref., posf., ib., cit., ad loc., cf., v., in (reservado a obras coletivas), apud, s.d., s.l, s.n., s.p.

2.5. Ilustrações:

Gráficos, tabelas e outras ilustrações devem ser remetidos em ficheiros autónomos, com qualidade profissional, com indicação no texto do local onde cada um deve ser inserido. Cabe ao autor a responsabilidade de obter a competente autorização para a publicação de imagens que reclamem direitos de autoria.

  1. Publicação de recensões e/ou notícias

A obra recenseada será identificada de acordo com o modelo usado na bibliografia, acrescida do ISBN. As recensões não devem exceder os 8 000 caracteres com espaços, devendo a obra recenseada ser identificada de acordo com o modelo usado na bibliografia.

 

Serão enviadas aos autores provas para correcção. Não se aceitarão alterações superiores a 5% do texto original e as provas deverão ser devolvidas ao coordenador da Revista, devidamente corrigidas, de acordo com as normas do Prontuário ortográfico e guia da língua portuguesa (da autoria de Magnus Bergstrom e Neves Reis), num prazo máximo de 3 semanas após a data da sua expedição pela Revista.

Uma vez publicado o artigo, cada autor receberá gratuitamente um exemplar da Revista em versão papel, bem como separata em formato digital.

Para qualquer dúvida ou esclarecimento contactar a Directora da Revista ou o coordenador do respectivo número. 

A não observação de qualquer um dos procedimentos explicitados inviabilizará a aceitação do artigo proposto.

 

Políticas Editoriais

Todos os artigos propostos para publicação serão sujeitos a apreciação por especialistas externos, em processo dirigido pelo coordenador do número da Revista e acompanhado pela Directora e Conselho Editorial. Não se devolverão aos autores os originais que não forem aceites para publicação, e prevê-se a possibilidade de ser sugerida ao autor a reformulação do texto original com vista à sua publicação.