Os SIG como ferramenta de suporte nos cuidados de saúde primários: caso de estudo na distribuição de enfermeiros de família por área geográfica

  • Luís Carlos Santos Fonseca Universidade do Porto
  • Ana Maria Rodrigues Monteiro de Sousa Universidade do Porto

Resumo

Com este trabalho procuramos mostrar o valor acrescentado dos Sistemas de Informação Geográfica (SIG) quando arquitetados e construídos de raiz numa perspetiva sistémica para um fim específico. Neste caso em concreto utilizamos a nossa questão de partida - definição de áreas geográficas homogéneas para a distribuição de enfermeiros de família para a Unidade de Saúde Familiar (USF) da Nova Via pertencente ao Agrupamento de Centros de Saúde de Espinho/Gaia na Área Metropolitana do Porto- para construir um suporte de gestão adaptado à realidade vivida numa Unidade de Saúde Familiar.

 

https://doi.org/10.14195/1647-7723_24_11

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-03-30
Como Citar
FONSECA, Luís Carlos Santos; SOUSA, Ana Maria Rodrigues Monteiro de. Os SIG como ferramenta de suporte nos cuidados de saúde primários: caso de estudo na distribuição de enfermeiros de família por área geográfica. Territorium, [S.l.], n. 24, p. 151-164, mar. 2017. ISSN 1647-7723. Disponível em: <http://iduc.uc.pt/index.php/territorium/article/view/4108>. Acesso em: 24 maio 2017.

Palavras-chave

SIG; georreferenciação; áreas geográficas homogéneas